Compartilhe:

Teste: você está com depressão?


Teste: você está com depressão?

Teste: você está com depressão?

Teste: você está com depressão? – Um formulário com dez questões ajuda a identificar sinais desse problema, que vai além da tristeza intensa.

Alguns sinais da depressão podem ser flagrados por um teste simples. Porém, é necessário se consultar com um profissional depois de respondê-lo.

A depressão já afeta praticamente 10% da população mundial e a projeção indica um triste crescimento. Um estudo realizado pela americana Universidade Harvard em 18 localidades mostra que a frequência da doença no Brasil é a maior dentre as nações em desenvolvimento, com um total de 10,4% de indivíduos afetados

E a taxa de óbitos relacionada a episódios depressivos (incluindo suicídios) cresceu 705% por aqui nos últimos 16 anos, segundo pesquisa efetuada pelo jornal O Estado de S. Paulo. A situação é tão expressiva que há até um teste apto de apontar a depressão. Ela não dispensa a avaliação médica, entretanto pode servir para identificar suspeitas. Confira:

Teste: você está com depressão? – Você conhece a depressão bipolar?

Teste: você está com depressão? – Responda aos ícones abaixo com uma destas opções:

Nenhuma vez

Dois ou três dias

Mais da metade dos dias

Praticamente todos os dias

Teste: você está com depressão? – Nas últimas duas semanas, com que frequência você se sentiu mal por alguns destes problemas?

1.Pouco interesse ou satisfação em realizar as coisas.

 

2.Ficar para baixo, depressivo ou sem esperança.

 

3.Dificuldades para pegar no sono, insônia ou até mesmo dormir muito

 

4.Muito cansaço ou falta de energia.

 

5.Apetite reduzido ou abusivo

 

6.Se sentir mal – você se define fracassado ou acha que desapontou os seus familiares e amigos.

 

7.Problemas de concentração para realizar suas atividades, ler notícias ou assistir televisão.

 

8.Se locomover ou falar muito lentamente a ponto de as demais pessoas notarem.

 

9.Refletir que seria melhor morrer, ou ter desejo de se machucar.

 

10.Se você passou por problemas e/ou dificuldades, foi muito difícil superá-los.

 

 

Teste: você está com depressão? – Resultado

Se respondeu “mais da metade dos dias” ou “praticamente todos os dias” para mais de quatro tópicos (ou reconhece com o item 9), é melhor consultar um psiquiatra.

Atenção: o teste é apenas um indicativo e não supre de maneira alguma, o diagnóstico feito por um médico.

Diversos tipos de depressão

Depressão maior:

A mais ampla de todas. Seus sintomas são tristeza excessiva, perda de interesse e prazer, baixa autoestima, distúrbios de sono…

Depressão sazonal:

Comum em países do Hemisfério Norte, surge em algumas épocas do ano, como no outono e no inverno, quando a temperatura cai muito

Depressão sistêmica:

É um quadro de melancolia leve, que não melhora jamais. O estado crônico torna o indivíduo extremamente rabugento e pessimista.

Depressão psicótica:

O indivíduo costuma demonstrar alucinações e delírios. Muitos visualizam coisas inexistentes e ouvem vozes dentro da própria cabeça.

Depressão atípica:

Suas fundamentais características são elevação do apetite, ganho de peso, sonolência exagerada e sensação de cansaço nos braços e nas pernas.

Depressão mista:

Acontece uma mistura dos sinais depressivos com uma ansiedade intensa. O indivíduo fica eufórico e não consegue parar por um minuto.

Depressão melancólica:

Reflexões negativos, ideia constante de morrer, inatividade e tédio ficam fortes: não há como encobrir o transtorno.

Tratamentos

Blog

Informativos para auxílio da família,dependentes químicos e alcoólicos

Importância da psicoterapia grupal no processo terapêutico.

Importância da psicoterapia grupal no processo terapêutico.

A submissão química é uma enfermidade contemporânea que acarreta prejuízo as biografias e famílias.

Drogas Perturbadoras/Alucinóginas

Drogas Perturbadoras/Alucinóginas

Iremos abordar neste texto as drogas alucinógenas, seus efeitos e deliberações

COMPORTAMENTOS ADICTIVOS

COMPORTAMENTOS ADICTIVOS

É praxe articular comportamentos adictivos com o excesso de substâncias como a droga e o bebida alcoólica.

Como Proteger-se o Alcoolismo na juventude

Como Proteger-se o Alcoolismo na juventude

No Brasil, de concordância com o Texto 243 do Lei da criança e do Adolescente,